Orquestok em concerto!

A Orquestok fechou o ano de 2019 com duas apresentações , realizados no teatro do Centro da Música Carioca, na Tijuca, ambos com renda destinada à campanha de financiamento do Projeto Toque e se Toque.

O repertório composto de  clássicos e novas composições da MPB foi executado por instrumentistas e cantores de todas as idades que participam do projeto em 2019, , sob à regência da maestrina, Maria Alice Ramos Sena.

Concerto do Dia 08

A Orquestra de Ukulelê, da UFRJ, com direção musical do professor Vinícius Vivas, abriu o evento, interpretando sambas, choros e o famoso maxixe “Corta Jaca”, de Chiquinha Gonzaga e Machado Careca, composto em 1895. Essa composição fez grande sucesso, à época, e guarda uma polêmica que foi contada à plateia. A Orquestra de Ukulelê da UFRJ é “cria” do Projeto Toque e Se Toque.

As crianças flautistas do projeto deram um show à parte, sob a regência do professor Ricardo de Almeida Gonçalves.  Outra participação ficou por conta da turma de canto coral do Toque e se Toque .  Regida pelo professor maestro Rafael Costa, executou composições de Lulu Santos (De repente Califórnia), Gilberto Gil (Estrela) e Milton Nascimento (Encontros e Despedidas).

A apresentação do conjunto completo (ORQUESTOK) fechou o concerto,  com músicos de violão, cavaquinho, flauta, percussão e canto executou composições de Villa Lobos (Trenzinho Caipira), Caetano Veloso (Cajuína), Sérgio Sampaio (Eu quero botar meu bloco na rua), Geraldo Vandré (Disparada), Jorge Drexler (Idade do Céu), Roberta Campos (Minha Felicidade), de Silva (A visita), Gonzaguinha (Comportamento Geral), Ary Machado e Pedro de Sá (Chuá, Chuá), entre outras.O encerramento com o breve repertório natalino encantou o público. Um espetáculo emocionante!

CONCERTO DO DIA 21

O concerto do dia 21 encerrou o calendário de atividades do Projeto Toque e se Toque no ano de 2019.  O evento  teve a  participação especialíssima  do Coral Orquestra dos alunos do colegio Pedro II, regidos pelo maestro Rodrigo Russano, que realiza um trabalho de muita qualidade, aliando técnicas e sensibilidade  .

Além do Pedro II, participaram , ainda,  o Coral Tijucanto,  as crianças  e o grupo de canto coral do Projeto Toque e se Toque, que se apresentaram antes da Orquestok, que reúne todos os alunos .

Alice Ramos Sena, coordenadora e maestrina do Toque e se Toque, aproveitou a oportunidade para agradecer os licenciandos e professores do Projeto, bem como a  equipe do Centro da Música Carioca, destacando o administrador Rubens Corin.

Na ocasião, ela ressaltou os objetivos do Projeto e a sua importância .”Somos um projeto de extensão da Universidade Federal do RJ, e temos como objetivo um ensino de qualidade e propiciar aos licenciandos, futuros professores de música de nossa cidade, uma experiência consistente de educação musical”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *