ORQUESTOK PARTICIPA DE EVENTO DA ASSOCIAÇÃO CRIANÇAS DO BRASIL

A Orquestok participou no sábado, 04 de janeiro, do evento de confraternização de final e início do ano da ONG suíça “Associação Crianças do Brasil”, que reuniu crianças e familiares beneficiadas  em projetos de educação.

Sob o olhar atento das crianças que participavam da festa, a maestrina Maria Alice Ramos Sena regeu  cerca de 50 integrantes  do Projeto Toque e se Toque , que interpretaram canções da MPB , além da canção erudita,  Trenzinho do Caipira, de  Heitor Villa Lobos.

Banho de piscina, música, sorteio de brinquedos e um churrasco fizeram a alegria da garotada, realizado no Espaço Casa 101, na Rua Jacinto Alcides, em Bangu, zona oeste do Rio.  

A confraternização contou também com as presenças ilustres do cônsul geral da Suiça no Rio, Rudolf Wyss, do fotógrafo fundador e provedor da ONG, Onorio Mansutti, da diretora-presidente da Associação no Brasil, Bianca d`Alverga, e de um dos mais importantes fotógrafos do país, Evandro  Teixeira.

Para Alice Ramos Sena  começar o ano fazendo parte das  festividades da Associação Crianças do Brasil , que realiza um trabalho bastante relevante, foi uma grande honra.  “Ficamos bem felizes pela receptividade de todos”, concluiu.

A ONG

A ONG suíça , fundada em1989, tem como  finalidade  ajudar crianças carentes a terem condições de estudo, matriculadas do ensino básico até o ensino médio, com idade  a partir dos quatro anos. 

Fundada pelo fotógrafo italano Onorio Mansutti, residente na suíça, a ONG dá suporte atualmente a 220 crianças de diversos bairros do Rio. De acordo com a diretora-presidente, Bianca d`Alverga,  a Associação vem alcançando resultados bem positivos. “Muitas  das crianças que passaram pela ONG estão conquistando espaço no mercado de trabalho.  Um dos exemplos é do menino Marcelo de Almeida,  o primeiro aluno a ser beneficiado pela Organização, e se tornou piloto da Companhia Aérea TAM”, finalizou.

ORQUESTOK PARTICIPA DE ENCONTRO MUSICAL NO MUSEU DO EXÉRCITO

A Orquestok se apresentou no dia 26/9 do Encontro Musical, realizado pelo Museu do Exército, Conde de Linhares, em São Cristóvão.

Este foi o segundo ano que o Grupo participa do evento, sob a regência da maestrina Maria Alice Ramos Sena.

Fizeram parte do Encontro Musical, ainda, os corais Madrigal da Ilha do Governador; da Pediatria brasileira; Vozes da Mangueira e o Coral Semeando.

A 3ª Feijoada Musical , realizada 21/9

A 3ª Feijoada Musical , realizada 21/9, no Centro da Música Carioca, foi considerada um sucesso pelos organizadores.  Destinada a alavancar recursos para o Projeto Toque e se Toque, o evento teve a presença de mais de 250 pessoas e obteve uma arrecadação líquida de R$ 4.780,00.

A atração musical ficou por conta de alunos do Projeto, acompanhados da  BANDUSIN. Clássicos da MPB e do samba animaram o público, enquanto se deliciavam com a feijoada da Dinha e da Cássia, aprovada por todos.

O próximo evento está programado para o final do ano.

Maestrina Maria Alice após defesa de sua tese na UFF

Os alunos do Projeto Toque e se Toque se apresentaram no auditório da Universidade Federal Fluminense (UFF), no dia 06 de setembro, no Gragoatá, Niterói.

O evento ocorreu ao término da defesa da tese de doutorado da maestrina e coordenadora do Projeto, Maria Alice da Silva Ramos Sena, no Departamento de Psicologia daquela Universidade. O tema defendido foi  “Constituição das subjetividades dos professores de Música”.

Falando sobre a importância do Projeto na construção de sua tese, Alice Ramos ressalta ser o ápice de sua trajetória como professora de música, uma vez que no Toque e se Toque  constitui um elo entre as práticas da Música Popular Brasileira e a Música Erudita, estabelecendo uma resistência a um modo hegemônico de se aprender e ensinar música.

Além disso, o Projeto dá oportunidade de se experimentar caminhos de educação musical em diálogo com professores da rede pública de ensino e alunos de licenciatura em música da Universidade Federal do RJ ( UFRJ) , futuros professores de nosso país.

A emoção tomou conta dos alunos, especialmente após tocarem a música “Eu quero é botar meu bloco na rua, de Sérgio Sampaio, encerrando a noite em alto astral. “Estamos felizes por poder participar desse dia importante para todos nós. Este concerto foi especial, sendo dedicado à maestrina, disse Marta Carvalho, aluna da turma de cavaquinho .

3ª feijoada musical reforça Campanha do Toque e se Toque

No próximo dia 21 de setembro, a partir das 13h, será realizada a 3ª FEIJOADA MUSICAL, nos jardins do Centro da Música Carioca, localizado na Rua Conde de Bonfim, 874, Tijuca.

Todos os valores arrecadados serão destinados a reforçar a Campanha do Projeto, criada com objetivo de pagamento dos professores que não recebem bolsa de estudo da Universidade.

Durante o evento, haverá apresentação de grupo “Os Batutas Chorões”, do grupo de MPB BANDUSIN, e músicos do Projeto Toque e se Toque.

O valor cobrado será R$ 25,00. Os convites já estão sendo vendidos, no próprio local, aos sábados, com a colega Alba ou com Maria das Graças. As reservas poderão ser efetuadas também por meio do site do Toque e se Toque (www.toqueesetoque.com.br).

3ª FEIJOADA MUSICAL TOQUE E SE TOQUE

TOQUE E SE TOQUE

Tempero especial,  boa  música, e você ainda ajuda o PROJETO.

Participe!

Reserve seu Ingresso no  site ou no local.

DATA: 21/09/2019– HORA: 13H

LOCAL: CENTRO DA MÚSICA CARIOCA

VALOR: R$ 25,00

www.Toquesetoque.com.br

PRESTANDO CONTAS (FIM DE 2018)

Graças à valiosa colaboração dos alunos , pais e amigos do Toque e se Toque foi possível fechar o ano de 2018 com todos os pagamentos em dia aos licenciandos do Projeto. Parte dos recursos utilizados foram captados na Campanha de Financiamento Coletivo, lançada no mês 10/2018, parte provenientes dos três eventos : duas feijoadas e um concerto de Natal . Também de ações tais quais venda de canecas, doces e salgados, uma rifa, e a execução de dois shows beneficentes.

BALANÇO GERAL:
O saldo atualizado até 31/12/2018 é de R$ 5.324,09, sendo que já foram pagos
um total de R$ 16.800,00 a oito licenciandos, além do pagamento de tarifas de manutenção da conta ao BB e à Fundação José Bonifácio, administradora da Campanha.

IMPORTÂNCIA DOS EVENTOS
A realização dos eventos para arrecadar recursos foi de grande importância. Na 2ª Feijoada Musical, do dia 15, houve um lucro líquida de R$ 3.100,00. As despesas foram da ordem de R$ 1.617,00, com a contratação de cozinheiras, som , aluguel de mesas e cadeiras e ingredientes para a feijoada. A doação de alguns itens e de recursos também ajudaram na redução dos custos.

CONCERTO
No concerto do Toque se Toque e Coral TIJUCANTO, dia 08/12, foram arrecadados R$ 1.597,00 referentes aos ingressos vendidos, pelo Centro da Música Carioca, que mais uma vez apoiou integralmente, com cessão do espaço e toda infraestrutura.
PLANEJAMENTO
Para 2019, a expectativa da coordenadora Maria Alice Ramos Sena
é de conseguir bolsas para os licenciandos, bem como conseguir empresas que patrocinem o Projeto, por meio das leis de incentivos fiscais.
Além disso, programar eventos que ajudem na autogestão e que propiciam ainda mais a integração do grupo.

CAMPANHA CONTINUA
Ela ressalta que a Campanha de Financiamento Coletivo prossegue , sendo muito importante para continuidade do pagamento das boldos aos licenciandos da UFRJ, que se profissionalizam no Projeto.
A coordenadora considerou bastante positivo o resultado alcançado , mas espera um 2019 mais trânquilo.

NOVOS ALUNOS

Ainda não há expectativa de abertura de novas turmas neste primeiro semestre. Vai depender especialmente da contratação de mais professores.

TOQUE E SE TOQUE ENCERRA ANO EM ALTO ASTRAL

A 2ª Feijoada Musical , realizada no dia 15, mais uma vez alcançou o sucesso esperado pela produção do evento. Os jardins do Centro da Música ficaram lotados, e o ambiente de confraternização tomou conta de alunos e convidados.
Foram comercializados 132 pratos de feijoada, gerando recursos da ordem de R$ 3.300,00, importante para o cumprimento das despesas do Projeto nos meses de novembro e dezembro, com os professores das Oficinas de Música.
O coral TIJUCANTO abriu o evento, seguido da orquestra de Ukulelê, regida pelo professor Vinicius Vivas. Os alunos do Projeto Toque e se Toque interpretaram canções da MPB e natalinas. Já o grupo “Os BATUTAS DO CHORO”, que encerrou a festa brilhantemente, apresentou clássicos do choro e do samba.
A coordenadora do Projeto, Alice Ramos Sena, foi homenageada pelos alunos do canto, com a música de Arlindo Cruz e Luis Carlos da Vila, o“show tem que continuar”, reforçando, com isso, a esperança de todos que o “ Toque e se Toque” vai ser mantido no ano de 2019.
A coordenadora fez questão de ressaltar que só possível alcançarmos nossos objetivos, graças ao empenho de alunos do Projeto e da equipe do Centro da Música Carioca.

Músicos do Toque e se Toque tem aprovação do público

Público aprovou a apresentação do Projeto Toque e se Toque no 1º concerto de Natal , realizado no Centro da Música Carioca, no dia 08 de dezembro.
O grupo, sob a regência da professora e maestrina, Maria Alice Ramos Sena, interpretou canções da MPB e músicas natalinas, durante cerca de 1hora de espetáculo.
Aplaudidos pela plateia, que lotou o teatro, os músicos são alunos do Projeto de canto, flauta doce, cavaquinho, ukulelê, violão e percussão.
Feliz com o resultado, Alice Ramos Sena agradeceu ao público e alunos ressaltando que “a vida de todos nós é alimentada por momentos de alegria. E
a música tem esse poder”, concluiu. A expectativa dos organizadores é de que o concerto do dia 15, que será acompanhado de feijoada, faça também bastante sucesso.

Veja o vídeo aqui.

CONCERTO DIA 8 DE DEZEMBRO

O Projeto Toque e se Toque se apresenta no dia 08 de dezembro, a partir das 17h, no Teatro do Centro Cultural Carioca, localizado na Rua Conde de Bonfim, 824.

O evento faz parte das comemorações de final de ano e terá renda revertida para a Campanha de Financiamento Coletivo do Toque e se Toque.

Também se apresentam o Coral TIJUCANTO, e a Orquestra de Ukulelê, coordenada pelo professor Vinicius Vivas ,  da UFRJ.

Os ingressos custam R$ 30,00 – inteira e R$ 15,00, meia entrada.

Ingressos na bilheteria do Teatro.

Participem!